Como a produção de eletricidade afeta o meio ambiente

Hoje, a energia elétrica se tornou uma necessidade básica e essencial. Acender uma lâmpada, conectar o carregador móvel e até abrir a torneira da água quente, são atos que realizamos com tanta frequência que mal pensamos neles ou no consumo elétrico que eles implicam e muito menos em seu impacto ambiental.

Se o problema da curiosidade o picou e você deseja saber como a produção elétrica afeta o meio ambiente, continue lendo este artigo e explicaremos a você.

Como a energia elétrica é obtida

Energia elétrica é a forma de energia produzida pelo movimento e choque de partículas com potencial diferente, chamados elétrons, cuja interação permite a geração da corrente elétrica que conhecemos com o nome de eletricidade.

É obtido a partir da transformação de outros tipos de energia através do uso de alternadores ou geradores. Assim, dependendo do tipo de energia primária usada para produzir energia elétrica, podemos classificar as usinas geradoras de eletricidade em:

  • Termoelétrica : usa o calor proveniente da queima de combustíveis fósseis, por exemplo, petróleo, carvão e gás natural.
  • Hidrelétrica : para gerar eletricidade, é utilizada a energia potencial da água armazenada nos reservatórios.
  • Energia eólica: a energia eólica usa o vento para obter energia mecânica movendo os moinhos de vento.
  • Fotovoltaica : usa radiação solar capturada através de painéis solares.
  • Mareomotive : a eletricidade é gerada aproveitando o movimento das marés.

Impacto ambiental da energia elétrica

Agora que conhecemos os sistemas e atividades naturais envolvidos na geração de eletricidade, podemos entender os efeitos nocivos que ela causa no meio ambiente. Cada uma dessas usinas geradoras de eletricidade tem um efeito diferente no meio ambiente. Abaixo, explicamos qual é o impacto ambiental da energia elétrica :

  • Consumo de recursos naturais : a destruição do ecossistema para a exploração de depósitos implica erosão do solo, perda de vegetação e biodiversidade e poluição da água e do solo.
  • Emissões e descargas : a queima de combustíveis fósseis gera emissões de gases de efeito estufa (CO₂, CH₄, N₂O), óxidos de enxofre, nitrogênio e partículas que, juntamente com descargas de diferentes composições, alteram negativamente o meio ambiente. A isto se somam os danos causados ​​pelo uso de água dedicada ao resfriamento das plantas, que retorna ao ambiente com temperatura superior à encontrada naturalmente, produzindo aumento da temperatura e efeitos consideráveis ​​no flora e fauna aquáticas.
  • Geração de resíduos : como, por exemplo, as cinzas produzidas em instalações de combustão. No entanto, os resíduos radioativos das usinas nucleares são de particular importância, devido ao seu perigo, capacidade de poluição e tratamento difícil.
  • Ruído : os trabalhos de instalação e uso de máquinas pesadas para a manutenção das plantas são uma fonte de poluição sonora.
  • Impacto visual : toda usina gera um impacto maior e menor na paisagem, à qual se acrescenta a própria uma das linhas de energia que ocupam quilômetros de extensão, necessárias para transportar a energia elétrica.

Que dano a eletricidade causa ao meio ambiente?

Até agora, falamos sobre o impacto ambiental em nível local ou regional, no entanto, outros efeitos de maior relevância são adicionados a eles devido ao seu alcance global. Você sabe que dano a eletricidade causa ao meio ambiente? A seguir, explicamos para você:

  • Mudança climática : a emissão de gases de efeito estufa faz com que a atmosfera retenha mais calor do que o necessário e, portanto, aumente a temperatura globalmente. Esse aumento da temperatura do planeta resulta no derretimento de geleiras e mantos de gelo, aumentando o nível do mar e causando inundações. Além de fenômenos climáticos mais agressivos, acidificação dos oceanos, mudanças de habitat e perda de biodiversidade, entre outros.
  • Degradação da camada de ozônio : alguns gases e partículas emitidas como CFCs (clorofluorcarbonos) causam a degradação das moléculas de ozônio, causando a diminuição dessa camada e, portanto, sua capacidade de reter a radiação ultravioleta. O excesso de radiação que chega à terra pode causar doenças como câncer de pele e catarata e interferir no processo de fotossíntese das plantas.
  • Chuva ácida : a emissão de óxidos de enxofre e nitrogênio reage com a água na atmosfera, formando respectivamente ácido sulfúrico e ácido nítrico, que são levados pela chuva e pelo nevoeiro, causando a acidez das águas, a deterioração do ecossistema e até a Morte de seres vivos. No artigo a seguir, explicamos o que é chuva ácida: definição, causas e consequências.

Se você quiser ler mais artigos semelhantes a Como a produção de eletricidade afeta o meio ambiente, recomendamos que você entre na nossa categoria de Poluição.

Recomendado

Animais das Ilhas Galapago
2019
Gaztelugatxe Txakurleku
2019
Por que meu cachorro não gosta de ser tocado pela cauda?
2019