Quanto tempo um gato pode ficar sem comer?

Ver arquivos de gatos

Neste artigo do milanospettacoli.com, vamos falar sobre quanto tempo um gato pode demorar sem comer . Fisicamente, é possível que esses animais resistam semanas sem comer em casos extremos, mas em casa, se detectarmos que nosso gato parou de comer, devemos entrar em contato com o veterinário, pois isso indica um problema de saúde. Isso pode ser tanto psicológico quanto físico. Na última seção, veremos diretrizes para ajudar um gato autônomo a comer, a fim de evitar possíveis complicações.

Se o seu gato não comer há mais de uma semana, continue lendo para descobrir as conseqüências disso rapidamente e como ajudá-lo.

Quanto tempo dura um gato sem comer ou beber?

Gatos, como muitas outras espécies, incluindo seres humanos, são fisicamente capazes de resistir sem comer por cerca de três semanas . Mas esses dados são aplicáveis ​​a gatos saudáveis ​​e adultos, pois o tempo que um gato pode ficar sem comer também dependerá da idade da amostra e do seu estado de saúde. Por exemplo, se nos perguntamos quanto tempo um gatinho recém-nascido pode ficar sem comer, devemos saber que em nenhum caso serão semanas. Esses pequenos morrem em poucas horas se a ingestão de leite for interrompida. Portanto, se encontrarmos uma ninhada abandonada, devemos imediatamente ir ao veterinário e iniciar a alimentação artificial. Para fazer isso, recomendamos a consulta deste artigo: "Como alimentar um gatinho recém-nascido?".

Se uma certa sobrevivência é possível sem comida, ela é absolutamente diminuída na ausência de água. Um gato não resiste mais de três dias sem beber . Obviamente, esses dados são produzidos em situações extremas, por exemplo, quando o gato é abandonado ou preso em algum lugar. Se o nosso gato parar de comer completamente ou não beber nada em 24 horas, é essencial entrar em contato com o veterinário. É um sinal claro de doença física ou psicológica.

Meu gato não come há uma semana, o que eu faço?

Criptografamos quanto tempo um gato pode ficar sem comer em semanas, mas, embora o gato possa sobreviver, não podemos permitir que essa circunstância ocorra em nosso felino. Um gatinho, um gato adulto que sofre de alguma doença ou um gato idoso são especialmente vulneráveis. Se percebermos que, ao longo do dia, eles não comem o que estão acostumados, devemos entrar em contato com o veterinário . Também temos que procurar um especialista se é um gato saudável que para de comer e também apresenta outros sintomas, como vômitos, diarréia, alterações na frequência da micção, dor etc.

A anorexia é um sintoma de várias doenças, por isso é essencial que o veterinário seja capaz de chegar a um diagnóstico após examinar o gato e fazer os testes relevantes. Mas o fato de um gato parar de comer nem sempre tem uma origem física. Os gatos são muito sensíveis às mudanças e, se acabamos de adotá-lo, nos mudamos ou um novo membro chegou à família, eles podem enfatizar ao ponto de parar de comer. Diagnosticar uma causa psicológica antes que a física seja descartada. Portanto, se seu gato parou de comer, recomendamos que você revise as principais causas deste artigo para tentar investigar o motivo e procurar o veterinário com todas as informações possíveis: "Por que meu gato não quer comer?".

Quanto tempo um gato doente pode viver sem comer nada?

É comum um gato doente parar de comer e é compreensível, principalmente em doenças nas quais o sistema digestivo é afetado e o animal doente sofre vômitos intensos. Nesses casos, não podemos alimentá-lo, como ele vomitaria, piorando a situação. Também é normal quando o problema está na boca e a ingestão é fisicamente evitada. É um quadro que requer hospitalização, para que o veterinário administre um suporte de fluidos intravenosos e, o mais rápido possível, restaure a alimentação, mesmo usando uma sonda, pois a realimentação é essencial para a recuperação.

Os gatos precisam de uma alta ingestão de proteínas, para que possam mostrar rapidamente desnutrição, piorando a imagem e o prognóstico. Com cuidados veterinários intensivos, estima-se quanto tempo um gato pode ficar sem comer é estimado em não mais de três dias ou menos, se for observada uma alta perda de peso ou massa muscular. Se a anorexia for prolongada, o prognóstico do gato será ruim e poderá ser complicado com lipidose hepática, principalmente se o gato estiver acima do peso. Nesse distúrbio, a gordura se acumula no fígado, impedindo seu bom funcionamento.

Como alimentar um gato que não quer comer?

O fato de termos criptografado quanto tempo um gato pode ficar sem comer em semanas não significa que podemos deixar um gato que não come sem atenção. Se sua falta de apetite se deve a um problema psicológico, sendo o estresse o mais comum, devemos examinar sua rotina e implementar as mudanças necessárias para melhorar suas condições de vida. Nesse sentido, um veterinário especialista em comportamento felino ou um etólogo pode nos ajudar. Também é possível que um gato se recuse a comer se mudarmos a comida abruptamente. Portanto, se esse for o caso do nosso gato, devemos passar para a nova comida muito lentamente, adicionando pequenas quantidades à anterior pelo tempo necessário até que o gato se acostume. Confira o artigo sobre Como mudar a comida de um gato corretamente para impedir que ele pare de comer.

Por outro lado, é normal que um gato, após hospitalização ou convalescença, seja apetitoso. Podemos encorajá-lo a comer com as seguintes recomendações:

  • Escolha alimentos altamente palatáveis, ou seja, eles são saborosos para o gato. Existem latas formuladas para gatos na fase de restauração. Também podemos optar por alimentos molhados ou caseiros.
  • Podemos começar fazendo um mingau e colocando uma gota no nariz ou na perna, para que seja incentivado a se limpar. Além disso, se obtivermos consistência líquida, é possível oferecê-la com uma seringa, administrando gradualmente pequenas quantidades no lado da boca.
  • O fato de o gato estar bem hidratado é essencial para sentir vontade de comer, para que possamos usar o mingau para adicionar água ou oferecer caldos caseiros para beber.
  • À medida que o gato ingere, é possível fazer o mingau a cada vez com viagens maiores.
  • Se nos voltarmos para comida caseira, devemos rejeitar sal, açúcar, excesso de gordura etc., ou seja, procuraremos um cardápio saudável.
  • Oferecer comida temperada aumenta seu cheiro e pode incentivar o gato a comer.
  • Sempre devemos dar várias doses de pequenas quantidades por dia, o que aumentará dependendo do seu apetite. Nunca devemos forçá-lo, pois ele pode desenvolver aversão alimentar ou causar pneumonia por aspiração se o alimento terminar nos pulmões.
  • Pouco a pouco, podemos misturar esta refeição com a habitual, até que a transição para o menu normal esteja completa.
  • Se não conseguirmos comer o gato, devemos ir ao veterinário. Nos casos mais graves, será avaliado para alimentá-lo por meio de uma sonda.

No vídeo a seguir, compartilhamos uma receita simples para alimentos úmidos caseiros, saudáveis ​​e saborosos, para incentivar o gato a comer.

Se você quiser ler mais artigos semelhantes a Quanto tempo um gato pode ficar sem comer?, recomendamos que você entre na nossa seção sobre problemas de alimentação.

Bibliografia
  • Villaverde, Cecilia e Hervera, Marta. (2013). Como alimentar gatos hospitalizados . Portal Veterinário

Recomendado

Dia Mundial dos Mares
2019
A coruja como animal de estimação
2019
Um gato pode ser vegetariano ou vegan?
2019