Soluções para a poluição da água

Um dos maiores problemas que a humanidade enfrentará nas próximas décadas será a escassez de água potável devido às mudanças climáticas, o que aumentará os períodos de seca, bem como a alta taxa de poluição que muitos dos principais estão sofrendo. fontes de água potável. Devido a essa situação, está se tornando cada vez mais urgente a implementação de soluções para a poluição da água, uma vez que é um dos recursos naturais mais importantes, pois, de fato, a maioria das atividades humanas depende dele. Se você quiser conhecer algumas das medidas mais importantes a serem tomadas para proteger a água, leia Ecologia Verde e nós falaremos sobre as soluções para a poluição da água .

Poluição da água: causas

A primeira coisa a ter em mente é que a poluição da água pode vir de muitos lugares e assumir várias formas. Dessa maneira, a poluição da água pode ser dividida em dois grandes grupos, a poluição física e a química:

  • Poluição física : quando falamos de poluição física, estamos nos referindo principalmente ao lixo que pode ser visto a olho nu, como plásticos que são consumidos regularmente.
  • Poluição química : por outro lado, quando se fala em contaminação química, estamos nos referindo aos poluentes que, estando presentes na água, não podem ser vistos a olho nu, mas isso significa que a água não pode ser potável. Nesse sentido, estamos falando, por exemplo, de pesticidas químicos ou bactérias fecais, subprodutos da indústria ou, mesmo, o plástico em seu menor tamanho, os chamados nanoplásticos.

De onde vem a poluição da água

Seja poluição física ou química, a poluição da água sempre vem da atividade humana . Nesse sentido, não há diferenciação considerável entre contaminação química ou física. De fato, se pensarmos na poluição que um cidadão comum produz, podemos pensar no lixo que ele produz diariamente, o que seria poluição física; ou no uso de produtos cosméticos ou de higiene, que liberariam agentes químicos poluentes na água, o que levaria à contaminação química da água.

Da mesma forma, além da poluição produzida pelo cidadão comum, as grandes empresas merecem menção especial. Como o volume de atividade deles é muito maior, o uso da água é também e, com isso, o nível de poluição. De fato, a agricultura e a indústria são dois dos setores que mais poluem a água junto com o transporte. Assim, por serem atividades das quais não podemos prescindir, é necessário reformular suas atividades e sua maneira de trabalhar, a fim de reduzir ao máximo o impacto que exercem sobre o meio ambiente como um todo e sobre os recursos hídricos. concreto

Soluções para a poluição da água

Como é evidente, a única maneira de resolver o problema da poluição da água vem de dois lados: não o contamine e limpe o que já está contaminado. Dessa forma, a poluição que acaba destruindo os aqüíferos e outras reservas de água pode ser evitada e minimizada, por isso é uma batalha que deve ser travada ao mesmo tempo em todas as frentes. Algumas das ações mais importantes que podem ser realizadas nesse sentido são as seguintes:

Redução de nutrientes e pesticidas químicos

Fertilizantes químicos e pesticidas são dois dos elementos que mais poluem a água quando usados ​​em agricultura intensiva. Esses produtos químicos acabam no solo e passam para aqüíferos, o que leva à contaminação de uma das fontes de água mais importantes que temos. Em vez disso, basta usar nutrientes e pesticidas naturais, o que permite o desenvolvimento de uma agricultura ecológica e sustentável. Da mesma forma, no caso de produtos naturais não poderem ser totalmente escolhidos, a melhor opção será minimizar os danos desses produtos químicos, pelo menos ignorando os mais prejudiciais aos recursos hídricos.

Redução e tratamento de águas residuais

Por outro lado, uma das principais fontes de poluição da água vem da descarga de águas residuais nos rios e mares sem ser tratada adequadamente. Esse é um dos maiores problemas que a poluição da água apresenta, pois as águas residuais levam a uma alta contaminação física da água (um bom exemplo são os toalhetes), bem como a uma contaminação química muito alta derivada de todos os produtos químicos e biológicos que carregam essas águas com eles. A melhor maneira de reduzir essas águas residuais é fazer uso eficiente da água, reduzir ao máximo o uso de produtos químicos que possam contaminá-la e, o mais importante de tudo, que as administrações públicas implementem a infraestrutura necessária para que essas águas sejam devolvidas para o ambiente ter sido previamente purificado. Estas são algumas estratégias eficientes para captar água ambiental.

Reduzir o desmatamento

Um dos elementos mais importantes na redução da poluição da água é evitar os processos de desmatamento. Isso ocorre porque as florestas são uma das principais reservas de água, tanto na atmosfera quanto no subsolo. Ao aumentar as massas florestais, é alcançada uma maior presença de água doce nesses ambientes, o que aumenta as reservas de água dos aqüíferos. Além disso, as florestas atuam como lavadoras de muitos dos poluentes que despejamos no meio ambiente, de modo que sua presença ajuda a combater a poluição química como um todo.

Redução do consumo de água na agricultura e na indústria

Agricultura e indústria são duas das atividades humanas que consomem mais água em seu desenvolvimento . Ambos os setores são fundamentais para a vida humana. Assim, como não podem ser dispensados, é necessário implementar ações que aumentem a eficiência do uso de seus recursos, incluindo a água. Nesse sentido, uma boa opção é o uso de água cinza purificada para a agricultura. Essas águas não são válidas para consumo humano porque não são potáveis, mas são úteis ao regar as culturas. No caso da indústria, máquinas mais eficientes, bem como processos que não exigem o uso de tanta água, permitem que ela seja reduzida, pois o volume de água contaminada é menor. Da mesma forma, também é essencial que as águas residuais da indústria sejam tratadas antes de serem devolvidas ao meio ambiente.

Implementação de transporte sustentável

Outro dos setores que mais polui a água é o transporte. Temos um bom exemplo desse problema na chuva ácida presente na maioria das cidades, cuja poluição vem principalmente da queima de combustíveis fósseis. Ao optar por versões de transporte sustentável, reduzimos a poluição que é derramada no meio ambiente e que inevitavelmente acaba contaminando a água. Nesse sentido, a melhor opção disponível é o transporte público, pois minimiza a poluição, pois é um transporte que responde a muitas pessoas ao mesmo tempo.

Redução de Lixo

Por outro lado, não devemos esquecer o lixo que ocorre diariamente nos empregos e nas casas. Nesse sentido, a escolha de produtos com poucas embalagens e a correta classificação e reciclagem de resíduos são um dos elementos que podem ajudar a reduzir a poluição.

Redução de agentes especialmente perigosos: óleos e baterias

Embora esse aspecto se enquadre na redução do lixo em geral, ele é dois dos poluentes da água mais nocivos, portanto eles merecem um espaço separado. Os óleos poluem a água de várias maneiras, mas, entre elas, evitando a oxigenação correta dos rios, acarreta um dano especialmente importante à biodiversidade. O correto é evitar armazenar o óleo usado e levá-lo a um ponto limpo quando o recipiente estiver cheio. Além disso, as baterias e baterias são feitas de muitos minerais pesados ​​que são especialmente poluentes da água. De fato, metais pesados ​​como cromo e mercúrio, atualmente presentes em muitos dos peixes que são geralmente consumidos, provêm desses resíduos. Portanto, é essencial levá-los a um ponto limpo onde possam ser gerenciados adequadamente.

Reduzir o uso de plásticos

Além disso, outro dos poluentes da água que merece menção especial é o plástico. O plástico é um material que se degrada a uma velocidade muito lenta e permanece no meio ambiente por centenas de anos, eventualmente passando pela cadeia alimentar e poluindo rios e mares. Podemos encontrar desde plásticos grandes a microplásticos (plásticos muito pequenos, mas visíveis) ou nanoplásticos (plásticos microscópicos que não são visíveis, mas que contaminam a água). A melhor maneira de evitar essa contaminação é sem plásticos descartáveis ​​e, quando usamos plásticos, sempre os recicle.

Leis mais restritivas

Finalmente, não podemos ignorar a importância dos órgãos legislativos em todos os tipos de prevenção à poluição, incluindo aqueles que afetam a água. Nesse sentido, leis mais restritivas que proíbem o uso de poluentes (pesticidas como glifosato, uso de toalhetes, talheres de plástico etc.), bem como leis que exigem que as águas residuais de cada setor sejam purificadas antes Se devolvidos ao meio ambiente, são essenciais quando se trata de impedir a contaminação da água. No artigo a seguir, você pode ver os efeitos negativos do herbicida glifosato.

Se você quiser ler mais artigos semelhantes a Soluções para poluição da água, recomendamos que você entre na nossa categoria de poluição.

Recomendado

Cultivar chalotas
2019
10 raças de cães peludos
2019
Bilbocan
2019